O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização internacional realizada para alertar a população sobre o suicídio, assunto que muita gente não gosta de falar, mas que é uma realidade que precisa ser conhecida e prevenida.

Durante todo o mês de setembro, ações são realizadas a fim de sensibilizar a população e os profissionais da área para os sintomas desse problema e para a saúde mental.

O que é o suicídio?

Suicídio é o ato de tirar a própria vida intencionalmente. Também fazem parte deste comportamento os pensamentos suicidas, planos e tentativas de morte, assim como os transtornos relacionados ao problema.

O suicídio é uma questão de saúde pública, que leva cerca de 32 brasileiros por dia, mas ainda é considerado um tabu, por isso, falar é a melhor solução.

Não podemos ignorar um problema que afeta a vida de diversas pessoas.

Não pense que não falar é a solução!

Precisamos falar sobre suicídio e mostrar para quem sofre que existe outra escolha, existem outras formas de combater a dor e o sofrimento.

A pessoa em risco de cometer suicídio costuma dar vários sinais, como externar pensamentos suicidas, como por exemplo: “Minha vontade é morrer”, “Logo vocês vão estar livres de mim”, se isolar e preparar rituais de despedida, distribuindo objetos pessoais a pessoas próximas.

Em geral, quem pensa em suicídio não quer necessariamente morrer, mas acabar com a dor e o sofrimento. Assim como todo sentimento, a dor também precisa ser expressada.

A pessoa precisa saber que pode falar sobre seu problema e receber ajuda para acabar com sua dor e desfrutar de uma vida boa e feliz.

Jamais ignore a situação de uma pessoa com comportamentos e pensamentos suicidas.

Não entre em choque, fique envergonhado ou demonstre pânico. Não tente dizer que tudo vai ficar bem, diminuindo a dor da pessoa, sem agir para que isso aconteça.

É preciso estar atento aos sinais de ansiedade, estresse e depressão em pessoas próximas e em você mesmo. Isso pode ser um grande diferencial!

Independente de Setembro Amarelo, esteja atento e preparado para discutir e procurar um tratamento.

Deixe seu Comentário

Sobre mim

Dr. José Dircksen é um profissional que atua no ramo de atividade de Psiquiatria e Medicina Psicossomática.

Horário de Atendimento

Seg - Sex: 8.00 am - 6.00 pmSábado: 10.00 am - 3.00 pmDomingo: Sem atendimento

Contatos

Telefone: (47) 3521-0289R. Roberto Kock, 621 - SumaréRio do Sul - SCVeja mais